Ki das 9 estrelas

O Ki das 9 estrelas é uma disciplina do estudo de Feng Shui que nos permite ler no quadrado mágico, ou Baguá, o mapa natal de qualquer pessoa com base na sua data de nascimento. Conseguimos também perceber os trânsitos (ou fases) que cada pessoa percorre através dos ciclos de Vida.

Este estudo deriva da observação da Vida na Terra, dos seus ciclos, e de ciclos dentro dos ciclos. Na Natureza repetem-se eventos com características semelhantes numa espécie de sucessão em espiral, a qual está integrada e interligada a outras sucessões em espiral que se estendem em planos abaixo e acima uns dos outros. Pensemos no nosso planeta que gira sobre si mesmo, ao mesmo tempo que gira em torno do sol com os restantes astros deste sistema solar. O nosso sistema solar também gira em torno do centro da Via Láctea, e a própria Via Láctea tem movimento no Universo. Todos estes movimentos de rotação e translação estão integrados e interligados uns com os outros, tal como os ciclos do Ki das 9 estrelas.

Assim sendo, a cada nove dias, nove meses, nove anos conseguimos ler ciclos e iniciamos novas etapas de energia. Anualmente, por volta do dia 04 de Fevereiro inicia-se uma etapa numa nova energia que caracteriza as pessoas nascidas nesse ano, conferindo-lhes uma natureza intrínseca específica associada a cada uma das casas do quadrado mágico e também aos elementos das cinco transformações. A cada mês que passa temos também uma nova qualidade de energia com impacto na forma como cada um gere a sua forma de interagir com o mundo.

O mapa natal feito com o Ki das 9 estrelas permite-nos ter noção da natureza intrínseca de cada pessoa, aquilo que a pessoa é sem se dar conta disso, o primeiro instinto que temos para responder às solicitações da Vida. Conseguimos também identificar as estratégias mais comuns que cada um usa na sua relação com os outros, a forma com sente, pensa e processa ao comunicar. Podemos ainda perceber os principais assuntos que cada pessoa vem trabalhar e curar nesta vida, quais os assuntos com os quais lidamos com mais facilidade e aqueles que sempre nos irão colocar alguns desafios.

Duas pessoas com a mesma data de nascimento têm o mesmo mapa, aliás, muitas pessoas têm o mesmo mapa porque no Feng Shui trabalhamos com ciclos que se repetem, mas que trazem consigo sempre pequenos ajustamentos.

No entanto, a data de nascimento é apenas um dos nossos condicionamentos. Somos também influenciados pela nossa cultura, pela nossa educação, pela forma como a nossa sensibilidade nos ajudou a processar os acontecimentos da nossa vida, entre outros condicionamentos.

Dois gémeos, nascidos com alguns minutos de diferença, não vão ter a mesma personalidade. Cada um tem características próprias, mesmo crescendo na mesma família, integrados na mesma cultura, frequentando os mesmos espaços e convivendo com as mesmas pessoas ao longo do seu crescimento.

A principal utilidade do Ki das 9 estrelas é ajudar-nos a perceber a nossa natureza interior e as semelhanças e diferenças em relação a outras pessoas. Permite-nos perceber melhor o porquê das nossas (re)ações e das (re)ações dos outros.

Fazendo a leitura dos mapas natais de uma família ou de uma equipa de trabalho percebemos melhor as interações entre os vários elementos. Isso ajuda-nos a gerir as nossas relações pessoais e profissionais, porque nos dá informação importante para, por exemplo, escolhermos estratégias mais eficazes de parentalidade (em contexto familiar) ou de gestão de recursos humanos (em contexto empresarial).

Uma consulta de Ki das 9 estrelas permite-nos ler o mapa natal de cada pessoa e dar-lhe a conhecer o que nela é Natureza e o que não é. Por vezes confundimos ego com Natureza, mas não são a mesma coisa. Quando agimos baseados no ego estamos a agir pelo poder procurando o Ter, quando agimos baseados na Natureza estamos a Vibrar Genuíno procurando o Ser.

Esta consulta pode ser individual, mas também em grupo, quer se trate de um casal, de uma família (no caso de filhos pequenos, apenas os pais) ou de uma equipa de trabalho.

No final da consulta, os intervenientes serão capazes de perceber melhor as dinâmicas de relacionamento uns com os outros e levam esse conhecimento para o seu dia-a-dia, o que lhes permite gerir melhor as suas relações, sejam elas pessoais ou profissionais.

A consulta é mais completa quando ligada a uma leitura do espaço onde as pessoas convivem habitualmente, ou seja, uma leitura da habitação no caso de famílias, ou do espaço físico da empresa no caso de consultas empresariais. Isto acontece porque os espaços físicos refletem a nossa energia e vão dar-nos informação adicional e complementar à obtida pelos mapas natais.